Menu Horizontal

27 maio 2016

Resenha: Como eu era antes de você - Jojo Moyes

Fala, galerinha! Mais uma sexta e mais uma resenha, dessa vez de um livro maravilhoso que aqueceu meu coraçãozinho de gelo. Apesar de não ter chorado como a Anne insistiu que eu ia.
Estou falando de Como eu era antes de você, o romance de Jojo Moyes que já conquistou vários corações e, graças a Deus, daqui a pouco, no maravilhoso, mágico e lindo dia 16 de junho - quando as mais lindas nascem! Vulgo, eu ^^ - estreia nas telonas!
Mas vamos ao que interessa!

Sinopse: Aos 26 anos, Louisa Clark não tem muitas ambições. Ela mora com os pais, a irmã mãe solteira, o sobrinho pequeno e um avô que precisa de cuidados constantes desde que sofreu um derrame. Trabalha como garçonete num café, um emprego que não paga muito, mas ajuda nas despesas, e namora Patrick, um triatleta que não parece interessado nela. Não que ela se importe.
Quando o café fecha as portas, Lou é obrigada a procurar outro emprego. Sem muitas qualificações, consegue trabalho como cuidadora de um tetraplégico. Will Traynor, de 35 anos, é inteligente, rico e mal-humorado. Preso a uma cadeira de rodas depois de um acidente de moto, o antes ativo e esportivo Will desconta toda a sua amargura em quem estiver por perto. Tudo parece pequeno e sem graça para ele, que sabe exatamente como dar um fim a esse sentimento. O que Will não sabe é que Lou está prestes a trazer cor a sua vida. E nenhum dos dois desconfia de que irá mudar para sempre a história um do outro.
Editora Intrínseca

Demorei muito tempo para pegar um livro da Jojo. Minha prima tinha dito que eles são ótimos, a Anne sempre fala a mesma coisa, e, apesar de ter dois títulos dela aqui na minha estante, nunca tive o impulso de "Não, eu PRECISO ler esse livro agora!".
Me arrependo de ter demorado tanto.
Admito que o filme que está por vir me fez colocá-lo no topo da minha lista de leitura, mas eu já tinha ouvido falar sobre sua história há um bom tempo. Trata-se de uma narrativa que nos mostra como nossa vida pode mudar em questão de segundos. Divertida, torna a seriedade da situação menos pungente. Uma história sobre mudança; como alguém pode ser influenciado positivamente ao ponto de ver o mundo com outros olhos e, assim, crescer. Mas, acima de tudo, é uma história de amor. Um amor que não tem lá seu melhor começo, mas que cresce na medida em que as personagens se conhecem, veem que o contato e a relação que tem são necessários.


Não chorei. Me emocionei.
Tenho dois amigos cadeirantes. Com um deles convivo diariamente. A gente conversa, eu me divirto com os vários botões da cadeira dela(é maravilhosa, tem até buzina!), mas eu nunca tinha realmente parado para pensar o quanto ela sofre. Não tinha parado para perceber os olhares que as pessoas dão sempre que ela passa, e agora entendo pelo menos um pouco como isso deve ser difícil.
Foi uma leitura prazerosa, mas também foi muito importante para mostrar não só a mim a realidade, que não é nem um pouco doce.

Adorei a escrita da Jojo. É leve e as horas passam sem que a gente perceba quantas páginas foram percorridas. Amei as personagens, e pensar na carinha do Sam Claffin deixou meu coração apertado. Espero ansiosamente pelo filme, tomara que não decepcione.

Muito amor envolvido! *---*

Bom, por hoje é só.
Leiam logo e aguardem ansiosamente para o melhor dia do mês de junho!
Até a próxima, bitches!
XOXO

5 comentários :

  1. Leu e não chorou? Leu errado, lê de novo hahahah. Livro maravilhoso msm <3

    PS: A única coisa boa do dia 16 de Junho é a estréia do filme msm, kirida.

    Beijos da sua pessoas favorita no universo e co-escritora desse blog maravilhoso.

    Anne.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha aqui, garota! Ia te chamar pra ver comigo, mas agora nem rola mais u.u

      Excluir
  2. Olá!!
    Esse é um livro que nos fazer notar o mundo em nossa volta, né? Perceber que as nossas pequenas atitudes podem estar contribuindo e muito para quem precisa e vice-versa.

    Beijão
    Leitora Cretina

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente! São pequenos detalhes que para nós podem não fazer muita diferença, mas que na verdade são muito importantes!

      Beijos!

      Excluir
  3. Amei esse livro,eu chorei um pouco e confesso que fiquei com nó na garganta com o final,mas não me arrependo de ter lido ele!!!foi muito bom e ate melhor do que eu imaginei que seria!vale muito apena ler esse livro!ele te faz reflete sobre como devemos ser gratos a Deus por poder fazer coisas simples,amei esse livro de paixão!!!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...