Menu Horizontal

24 fevereiro 2016

Resenha: O Resgate - Nicholas Sparks

Hello, babies. 
Hoje trago para vocês a resenha de um livro delicioso e encantador. Achei que não fosse ter mortes, que eu não fosse chorar... até o tio Nic Sparks despedaçar o meu coração. É, não foi dessa vez...
Mas vamos ao que interessa!

Sinopse: Taylor McAden é voluntário do corpo de bombeiros da pequena Edenton. Destemido a ponto de parecer imprudente, enfrenta incêndios, participa de salvamentos, desafia a morte sem hesitar. Mas uma coisa ele não tem coragem de fazer: entregar seu coração. Numa noite de tempestade, enquanto sinalizava postes de energia caídos, Taylor encontra um carro batido na beira da estrada. Assim que recobra os sentidos, Denise, a motorista, pergunta pelo filho. Mas Kyle, um menino de 4 anos que tem problemas de audição e de fala, não está em sua cadeirinha no banco traseiro. Durante a busca pelo garoto, Denise se surpreende ao ver que está diante de um homem capaz de abrir mão da própria vida para salvar uma criança. E o que Taylor nem imagina é que esse resgate será muito diferente de todos os que já fez, pois exigirá mais do que coragem e força física – e talvez possa levá-lo à própria salvação.
Editora: Arqueiro
Nº de páginas: 320
Onde comprar: Saraiva(melhor preço) Submarino

Em seus quase trinta anos, Denise já passou o que muitos nem chegam a imaginar. Ao terminar a faculdade, teve o pequeno Kyle, um menino doce e amoroso, que sofre diariamente com seus problemas de linguagem. Denise precisou abandonar a escola em que dava aulas e desistir de todos os seus planos, para ajudar o filho a crescer como uma criança normal.
Com problemas financeiros e cansada de sua vida em Atlanta, ela se muda para a cidadezinha de Edenton, terra natal de sua mãe. Durante o dia, Denise dá aulas para o filho, treinando sua fala; à noite, trabalha como garçonete. Esta não é a vida que pediu a Deus, mas, tendo Kyle ao seu lado, é suficiente.
Em uma noite de tempestade - com ela ao volante e Kyle no banco de trás -, o carro de Denise derrapa na pista e bate em uma árvore. Por seu cinto estar debaixo do braço, ela bate forte com a cabeça, apagando momentaneamente. Quando acorda, um homem está falando com ela, perguntando se está tudo bem. Denise não está preocupada consigo mesma, mas com a terrível descoberta que faz ao chamar o nome do filho: ele não está lá.
Desesperada, Denise pede ajuda para o homem ao seu lado, que posteriormente descobrirá que é Taylor McAden, um voluntário do corpo de bombeiros que por acaso estava sinalizando postes de energia caídos quando a encontrou. Taylor não mede esforços para convocar todo o pelotão de bombeiros e policiais de Edenton, pondo-se a procurar o menino.
O que começou como mais um resgate, torna-se o início de uma bela história... e o caminho de Taylor para alcançar o seu final feliz.
Vou confessar, não foi fácil. Até as últimas vinte, trinta páginas do livro, estava super feliz. Daí pum, uma bomba foi jogada em cima de mim e o máximo que pude fazer foi:

Por que faz isso, tio? Qual é a necessidade?

Mas, enfim, a gente não pode mudar o que já foi escrito e publicado, né non? Então só sofremos com a perda.
É mais um livro típico do Nicholas Sparks. Uma leitura leve, com seus altos e baixos durante a narrativa, morte - não pode faltar - e um pouco de clichê. Mas quem não ama clichê? Queria que minha vida fosse assim, só que né.
É uma história encantadora, ainda mais depois de ler a nota do autor, na qual ele explica sua inspiração para o livro. É de deixar qualquer um com o coração derretido.

Foi uma leitura maravilhosa, tranquila e, como sempre, prazerosa. Os personagens me agradaram, principalmente o Mitch e a esposa, Melissa. Eles são os mais divertidos, junto com a mãe do Taylor, a Judy.

Bom, por hoje é só.
Até a próxima, bitches!
XOXO

 

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...