Menu Horizontal

01 outubro 2015

Resenha: The Coincidence of Callie and Kayden - Jessica Sorensen


Sinopse Traduzida:
  Para Kayden, sofrer em silêncio é a única maneira de sobreviver. Se ele tivesse sorte, manteria a cabeça baixa, obedeceria e conseguiria terminar o dia. Mas numa noite, parecia que sua sorte — e sua vida — finalmente terminariam... até que um anjo chamado Callie apareceu bem à tempo de resgatá-lo.
  Callie nunca acreditou em sorte. Não desde de seu 12° aniversário, quando tudo foi tirado dela. Depois que o pior passou, ela trancou suas emoções e jurou nunca contar a ninguém o que aconteceu. Agora, seis anos mais tarde, ela continua a lutar com o doloroso segredo que ameaça consumi-la.
  Quando o destino coloca Kayden e Callie na mesma Universidade, Kayden está determinado a se aproximar da bela garota que mudou seu destino. Quieta e reservada, Callie ainda teme deixar alguém entrar em seu mundo. Mas Kayden tem certeza de Callie voltou à sua vida por um motivo. E quanto mais ele tenta ser parte da vida dela, mais ele percebe que, desta vez, é Callie quem precisa ser salva...

Nota: 3,5 estrelas.
Páginas: 283 páginas.
Série: The Coincidence, #1
Ainda não publicado no Brasil.


  Callie e Kayden estudam na mesma escola, frequentam as mesmas aulas e moram no mesmo bairro desde que eram crianças. Mas os dois não tem nenhum tipo de contato. Kayden é o jogador de football com uma bolsa universitária praticamente garantida e com pais ricos. Callie é a garota estranha e calada que usa os cabelos mal cortados na altura do queixo e roupas grandes demais pro seu corpo, tentando passar desapercebida. E é o que ela consegue, até que presencia Kayden, um homem já com 18 anos, sendo espancado pelo pai no quintal da própria casa. Contrariando as expectativas de Kayden, aquela pequena garota, de quem ele mal se lembra,  se dispõe a defendê-lo. A partir desse momento, Kayden não pode evitar a gratidão e admiração pela menina que, por um acaso do destino, devolveu-lhe a vontade de lutar. Quando se depara com ela na faculdade, sabe que essa coincidência pode mudar sua vida.

"Na existência de nossas vidas,
Há uma única coincidência que nos une
E, a partir desse momento, 
Nossos corações batem como um." 
Callie

 paranoid animated GIF  

  O livro é narrado do ponto de vista dos dois protagonistas, o que nos dá uma ótima perspectiva do que se passou na vida de cada um e das repercussões que isso tem em suas personalidades e decisões. Além disso, achei muito legal acompanhar o progresso da relação deles através de dois panoramas distintos.
  Callie e Kayden trazem cicatrizes emocionais profundas. 

"Eu consigo lidar com a dor. Essa é a parte fácil da vida. Todo o resto: felicidade, risada, amor... Essa porra que é complicada."
Kayden

  Através dos dois, a autora mostrou bem como diferentes pessoas tem reações diferentes ao trauma: Callie se afastou de todos, se retraindo em seu silêncio, enquanto Kayden se escondeu atrás de relações pra ele sem significado algum. O foco no que aconteceu em seus passados é bem grande, mas a bravura e força dos personagens, o esforço de deixar o que passou pra trás e a disposição, ainda que relutante, de se permitir amar novamente são os grandes destaques desse livro.
  A relação deles avança gradativamente, à medida que os protagonistas vão se conhecendo melhor e Kayden vai ganhando aos poucos confiança de Callie. Mas não é fácil pra nenhum deles. Ela se isolou por tanto tempo que não sabe como se permitir sentir novamente. Ele tem medo do que ela o faz sentir, de machucá-la e de se machucar. A paciência e o cuidado de Kayden com Callie foram os aspectos que mais gostei no personagem.

"Você me fez querer viver."
Kayden

  Os personagens secundários são igualmente inspiradores. Seth foi primeiro a conseguir quebrar a armadura de Callie. Carismático e engraçado, ele e Callie fazem uma ótima dupla. Ele a motiva a sair da sua zona de conforto, a se arriscar novamente e a crescer. Luke, melhor amigo de Kayden tem uma aparência dura, mas é leal e protetor. Luke e Seth também têm passados difíceis e emocionantes, mas, infelizmente, suas estórias não foram aprofundadas nesse volume da série. 

pouting animated GIF

   A autora tentou criar um clima de suspense em volta dos segredos de Callie e Kayden, mas eles não foram nem um pouco surpreendentes *biquinhodenovo* .
  Surpreendente mesmo foi o modo como o livro acabou. Eu achava que era um livro único e quase caí pra trás com esse final. Preciso da continuação AGORA!

need animated GIF

  Uma leitura - feita em menos de 8 horas - prazerosa e emocionante.

PS: Recomendo especialmente para os fãs de Colleen que sentem falta de Um Caso Perdido. São livros do mesmo gênero (embora a estória da Sky e Holder seja, sem sombra de dúvida melhor e mais emocionante) e possui elementos que acredito que os agradarão ;). Se você gostou de No Limite da Atração, acho que também gostará da estória de Callie e Kayden.

No Limite da Atração  Um Caso Perdido

XOXO






Anne.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...