Menu Horizontal

16 agosto 2015

Resenha: 'Salem - Stephen King

Hey, hey, heeeeeeeeey! Cheguei, pessoinhas lindas!
  A resenha de hoje é sobre um livro do Sr.Stephen King que me agradou bastante. Já o tinha comprado há muito tempo, mas estava no meio da minha lista de livros para o ano. Infelizmente demorei muito tempo para ler por causa do curso de alemão e início da faculdade -minha vida não é mais de princesa , mas preciso dizer que viajei na história e, depois de ler o começo de It-A coisa e conhecer outros livros do autor, fico pensando: o que se passa na cabeça desse homem?
  Mas vamos ao que interessa!

Sinopse:
  Ben Mears havia jurado nunca mais pôr os pés em Jerusalem's Lot - ou 'salem, como é conhecida por seus habitantes. A cidadezinha onde passou quatro anos de sua infância foi palco de horrores que ainda lhe tiram o sono. No verão em que, finalmente preparado para exorcizar seus demônios, decide voltar a 'salem, descobre que o mal ainda vive e precisa ser sepultado.
  Junto com Ben, chegam à cidade dois forasteiros: o sr.Barlow, portador de um segredo que mudará a vida de todos à sua volta, e Mark Petrie, um menino obcecado por monstros e filmes de terror. Logo em seguida, uma série de fatos inexplicáveis vem perturbar a rotina provinciana de 'salem: uma criança é encontrada morta; habitantes desaparecem sem deixar vestígios; uma estranha doença começa a fazer vítimas. A morte lança sua sombra gélida sobre a cidade, e Ben e Mark escolhem o caminho que resta aos sobreviventes: fugir.
  Mas os destinos de Ben, Mark, Barlow e Jerusalem's Lot estão para sempre ligados. E é chegada a hora do inevitável acerto de contas.

Editora: Suma de Letras
Nº de páginas: 460

  'Salem é o segundo romance do Sr. King e, de acordo com ele, seu preferido. Esta é uma reedição do anteriormente publicado como "A hora do vampiro".  

   Ben Mears voltou a sua terra natal para escrever sobre a misteriosa casa Marsten e enfrentar um medo do passado... mas não sabe o que o espera. Apesar do agradável encontro com Susan, uma jovem moradora da cidade, seus dias em 'Salem não serão nem de perto os melhores da sua vida, mesmo na companhia da segunda mulher que foi capaz de amar.
  Ele já é visto como um forasteiro, intruso e pouco confiável, o que só piora quando um garotinho, Ralphie Glick, desaparece. A partir desse momento, o banho de sangue começa.
   Em meio aos seus dias em 'Salem, ele faz amizade com Matt, um professor muito respeitado na cidade. Quando algo terrível acontece e Matt tenta explicar a verdade por trás daquilo, ele sabe que Ben será um dos únicos a acreditar no que diz e a ajudá-lo a resolver o problema.
  Seus caminhos se cruzam com Jimmy, o médico do professor, Callahan, um padre bêbado e que a fé quase se esvaiu completamente, e Mark, um jovem garotinho especialista em histórias de vampiro - o que se mostra mais útil do que nunca!
  Juntos, eles tentarão combater o perigo que ameaça 'Salem, mesmo que isso custe suas próprias vidas.


Oie
  Primeiro de tudo: é um livro interessante. Começa um pouco devagar mas aos poucos a história enfrena e vai evoluindo para um clímax excitante, que dura 200 e poucas páginas.
  Não acho que é uma narrativa que agrade muitas pessoas, mais pela demora para a trama realmente se adensar e os problemas começarem a acontecer. King tem como estilo falar sobre cada um dos personagens que aparece na sua história, mostrar suas vidas de dentro para fora. Creio que é justo dizer que, apesar de gostar disso, no começo eu ficava: "Espera, quem é essa pessoa mesmo? Onde eu estou? O que está acontecendo?
   
  Completamente perdida!

Por isso, já deixo um aviso: preste muita atenção na hora de ler para não ficar igual a mim. Ainda bem que no meio do livro consegui me encontrar e me acostumei com o nome de cada personagem.
  Ainda nesse mérito, é importante frisar a riqueza de características pertinentes aos habitantes de Jerusalem's Lot que King expõe.
  O vilão da história só aparece mesmo mais para o final, apesar de eu achar o vice-vilão(será que isso existe) bem pior do que o dito cujo. Ambos são engraçados também.
  Meu personagem favorito com certeza foi o garotinho, Mark. Ele tem uma coragem que não pode ser medida, acabou me conquistando desde a primeira página que apareceu.

  Apesar de ter demorado séculos para ler, acho que é possível terminá-lo em um semana no máximo. É um romance bom, que prende e quando as coisas realmente começam a acontecer, não dá vontade de largar.


  Bom, por hoje é só.
  Peço desculpas pela demora e com certeza vocês verão muito mais da Anne por aqui. Infelizmente (e um pouco de felizmente também), comecei a faculdade agora e é tanta coisa para ler que ainda preciso balancear minhas tarefas. Mas, de qualquer jeito, vocês ficam em boas mãos e eu não vou deixar de postar, só vai levar um tempinho a mais ;)

  Até a próxima, bitches!
  XOXO

2 comentários :

  1. Biiiicth, don't leave me! Haha. Pegue logo o ritmo pra vc poder voltar a publicar. Nós vamos sentir saudades.
    PS: Adorei essa jogada de cabelo final. Arrasou

    Bjss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sempre diva!! haha Pode deixar que daqui a um mês to de volta! Só preciso me acostumar com linguística.
      PS: não caga tudo não, hein!

      :* LUV U

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...