Menu Horizontal

11 maio 2015

Resenha: Coroa da Meia-Noite - Sara J. Maas

  Atenção: Essa é a resenha do segundo volume da série Trono de Vidro, portanto contém spoilers do primeiro livro (confira resenha aqui).

Coroa da Meia-Noite
    Sinopse:
  Celaena Sardothien, a melhor assassina de Adarlan, tornou-se a assassina real depois de vencer a competição do rei e se livrar da escravidão das Minas de Sal de Endovier. Mas sua lealdade nunca esteve com a coroa. Tudo o que deseja é ser livre — e fazer justiça. Nos arredores do castelo, surgem rumores a respeito de uma conspiração contra misteriosos planos do rei, mas antes de cuidar dos traidores, Celaena quer descobrir exatamente que planos são esses. O que ela não imaginava é que acabaria em meio a uma perigosa trama de segredos e traições tecida ao redor da coroa. Enquanto a amizade entre ela e o capitão Westfall cresce cada vez mais, o príncipe Dorian se afasta, imerso em seus próprios dilemas e descobertas.
  A princesa Nehemia acaba se tornando uma conselheira e confidente, mas sua atenção está mais voltada para outros assuntos. Em Adarlan, um segredo parece se esconder por trás de cada porta trancada, e Celaena está determinada a desvendar todos eles para proteger aqueles que aprendeu a amar. Mas o tempo é curto, e as ameaças ao redor castelo de vidro estão cada vez mais próximas. Quando menos se espera, uma trágica noite mudará a vida de todos no reino, e mais do que nunca Celaena quer descobrir a verdade para fazer justiça.


Minha Nota: 4,5 estrelas
Páginas: 406 páginas
Série: Série Trono de Vidro, #2
Título Original: Crown of Midnight
Editora Galera Record
  Quando você lê o primeiro volume de uma série e se apaixona pelo livro, você fica ao mesmo tempo estasiado e chateado, porque, apesar de ter amado a história, sabe que, muito provavelmente, a continuação não vai ser comparável. Foi pensando assim que eu comecei Coroa da Meia-Noite e aí...

eyes animated GIF

  UAU! Sara conseguiu escrever um livro tão bom quanto o primeiro e ainda criar um expectativa GIGANTESCA pelo terceiro volume (Heir of Fire precisoooo).
  Pra começar, as cenas de ação não diminuíram, nem de ritmo nem de frequência, como achei que aconteceria. Mesmo sem a Competição dos Campeões, a autora soube se aproveitar muito bem das oportunidades que surgiram nesse volume e escrever cenas de tirar o fôlego. Lutas, perseguições, espionagem, espadas... tudo isso acrescentando uma grande dose de adrenalina e tensão ao mundo de Celaena Sardothien.
  Além disso, o romance que havia sido um pouco negligenciado no primeiro livro é bem presente nesse. A preferencia da autora em focar no desenvolvimento de um laço de confiança e companheirismo entre os personagens em Trono de Vidro, além de nos deixar ansiosos pelo desenrolar desse aspecto do livro contribuiu também para o surgimento de um relação verídica e profunda entre os protagonistas. Simplesmente amei.
  Quanto aos personagens: Celaena continua impetuosa, corajosa e muito diva. Conhecemos mais de seu passado e nos aproximamos mais dela nesse volume.
  E o Capitão Chaol:

love animated GIF

  Nesse livro, a autora mostra um lado mais sensível desse homem forte, leal e apaixonante.                  TeamWestfall forever!

  Quanto ao mundo de magia criado por Sara, quem leu minha resenha de Trono de Vidro sabe que eu não tinha gostado muito dessa parte do livro. Mas nesse segundo volume, com mais páginas e espaço para desenvolver suas ideias e história, realmente tenho que cumprimentar a autora pela originalidade, habilidade e criatividade requeridas para criar Wyrd. Muito bom.
  
  Quanto a "grande revelação" do final, bom... não foi grande. Eu já sabia desde o primeiro volume (e aposto que vocês também), mas como eu amo estar certa, adorei mesmo assim. E agora estou ansiosíssima para ver o que o próximo livro reserva.

  Em a Coroa da Meia-Noite, temos conspirações, traições e revoluções. Nesse livro, começamos a observar o rumo que a história vai tomar, começamos a ver as engrenagens se encaixando no que com certeza será uma saga fantástica.


  Intrigante, sombrio, envolvente e apaixonante, é impossível largar esse livro.
  Leiam.
  XOXO




Anne.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...