Menu Horizontal

22 fevereiro 2015

SAF - A Teoria de Tudo

Faala, galerinha! Em clima de Oscar, nada melhor do que um filme indicado ao Oscar... uma pena que muito provavelmente não ganhará. 
  The Theory of Everything conta a vida do astrofísico Stephen Hawking. O filme é inspirado na obra "Travelling to the Infinity: My Life with Stephen", onde a ex-mulher dele, Jane, relata seu relacionamento e o desafio com a doença no neurônio motor.

 Primeira observação: é muito triste. Eu já deveria saber quando fui assistir, mas não fazia ideia de que seria tão devastador desse jeito.
  Segunda observação: é muito triste. A terceira? Acho que já têm uma ideia...
  Conta desde o momento em que eles se conheceram, quando Stephen ainda não sabia da doença e estava prestes a se formar, e termina quando ele conhece a rainha da Inglaterra. 
  Até as duas horas de filme passarem como o vento, vão chorar muito, rir, e ficar remoendo a vida. Dá uma sensação horrível ficar pensando que aquilo tudo realmente aconteceu. A dificuldade pelas quais os dois passaram, principalmente a própria Jane, que precisava estudar, cuidar dele, levá-lo para trabalhar e etc. E, claro, não é só ela quem sofre. Saber que você vai perder completamente o controle do seu corpo enquanto seu cérebro funciona à todo vapor não deve ser uma das melhores sensações do mundo...
"Tristeeeeza não tem fim...felicidade sim"
  Tirando as partes tristes - que são muitas - a história é fofa e engraçada, até porque ele é um nerd, né. Não sei por quê, mas fiquei lembrando do episódio de The Big Bang Theory em que o Sheldon fala com o senhor Hawking. Fez com que eu desse algumas risadas enquanto lembrava, fora as próprias graças do filme.
  Estou escrevendo e assistindo ao Red Carpet, então vou finalizar o SAF de hoje.
  #torcendoloucamenteparaateoriadetudovenceroOscar

Até a próxima, bitches!
XOXO


Ah, não, desculpe.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...