Menu Horizontal

27 fevereiro 2015

Resenha: Prince of Thorns - Mark Lawrence

Senhoras e senhores, lhes apresento *que rufem os tambores* Jorg Ancrath...

Sinopse:
Tem início a Trilogia dos Espinhos: Ainda criança, o príncipe Honório Jorg Ancrath testemunhou o brutal assassinato da Rainha mãe e de o seu irmão caçula, William. Jorg não conseguiu defender sua família, nem tampouco fugir do horror. Jogado à sorte num arbusto de roseira-brava, ele permaneceu imobilizado pelos espinhos que rasgavam profundamente sua pele, e sua alma. O príncipe dos espinhos se vê, então, obrigado a amadurecer para saciar o seu desejo de vingança e poder. Vagando pelas estradas do Império Destruído, Jorg Ancrath lidera uma irmandade de assassinos, e sua única intenção é vencer o jogo. O jogo que os espinhos lhe ensinaram.

Nota: 5 estrelas e mil coraçõezinhos
Páginas: 360 páginas
Editora DarkSide


   Após a morte da mãe, presenciada por Jorg, e a recusa do pai em tomar uma atitude frente os responsáveis, ele deixa o castelo e vai em busca da vingança que lhe é devida.  Fazendo uso de sua inteligencia e sagacidade, o jovem Jorg não vai poupar esforços para alcança-la. Um personagens que te leva ter sentimentos, no mínimo, controversos.

batman animated GIF

  UAU. É isso que eu tenho a dizer sobre esse livro. Que livro bom. Vou tentar de explicar a magnanimidade desse livro em algumas palavras, mas você vai ter que lê-lo pra realmente entender minha paixão por ele e por seu autor. Vou listar aqui os motivos que me levam a crer que o britânico Sr . Mark Lawrence deveria receber o título de Cavaleiro da Coroa Britânica.

1. Criou Honório Jorg Ancrath

  Esse pelo personagem é a definição de anti-herói. Jorg é um sórdido, egoísta, implacável, cruel, sarcástico filho da mãe. E eu adoro esse cara. Ele é um assassino sem remorso que já cometeu todo tipo de crimes imagináveis, crimes esses que o livro faz questão de descrever em detalhes. Ele é um estrategista nato concentrado em seus objetivos.
  
joker animated GIF



“ Quantos anos você tem, rapaz? Quinze primaveras, não mais. Não poderiam ser mais…” 

Errou por um par de anos, eu lhe diria, mas ele já não escutava mais. Quinze anos! Se tivesse quinze anos não estaria devastando vilarejos. Quando chegasse aos quinze, já seria rei!
Jorg


  Sim! Nosso protagonista ainda não completou seus 14 anos. Você sabe que ele é ainda um menino, mas suas ambições e o que ele faz para alcança-las te fazem esquecer disso. Jorg é um personagem diferente de qualquer outro que você já viu. Raramente se vê algo tão primorosamente construído como a história desse menino-homem. Ainda estou impressionada.
  Ele te faz esquecer totalmente dos personagens comuns que você vê por aí. É meio igual ao Curinga. Você torce por ele sem nem se dar conta, só porque ele é mais inteligente e tem um senso de humor melhor.


"Fugir não é uma coisa ruim. Ao menos não se você fugir pra direção correta"

Sábio Jorg Ancrath


batman animated GIF

2. Desenvolveu maestralmente sua história

  Alternando o presente com flashs do passado, o escritor consegue te prender totalmente no mundo do Império Destruído, apresentando aos poucos os meios e os fins do produto Honório Jorg Ancrath. Mas não se engane, você jamais será capaz de compreender o enigma que é esse personagem, só testemunhará os passos dele durante essa jornada.
  O autor te faz prestar atenção em cada detalhe da história que ele conta, porque ele não deixa pontas soltas. É surpreendente como, de pequenos detalhes, ele consegue criar uma cena maravilhosa e surpreendente mais tarde, que deixam suas sobrancelhas na linha do cabelo.
  Muito bem escrito. Só um autor como o Mark pra conseguir capturar tão bem a personalidade de alguém tão intenso e intrigante como o Jorg.

3. E criou o cenário perfeito pra tudo isso

  O livro tem ares medievais (sou louca por isso). Embora por vezes você tenha a impressão de ser transportado para a Europa do século XII, o autor te surpreende mais uma vez ao anexar na histórias ideias de pensadores da Idade Moderna e indícios variados de uma sociedade mais avançada desaparecida, o que nos nos leva a crer que o livro é, na verdade, uma distopia.

  Tá bom ou quer mais?
  A inteligência e sagacidade do autor me deixaram maravilhada. Virei fã.

"Diga-me Tutor", eu disse " a vingança é uma ciência ou uma arte?"
Jorg

batman animated GIF

  Uma história bem contada com um final incrível, que te deixa morrendo pela continuação.
  Eu realmente RECOMENDO esse livro.
  Vá lê-lo enquanto eu tento me recuperar do efeito Jorg Ancrath.

90s Bye animated GIF



Anne.

2 comentários :

  1. Obrigado, estava precisando de mais esse pequeno impulsso para investir nessa maravilha de livro.
    Estou apaixonado desde que vi a capa seguida pela sinopse, e que edição fóda! Capa dura, impressão impecável e um cheiro... ai ai. Vou correr pra livraria e comprar o primeiro. Valeu! Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Luan, se você gosta deste tipo de livro, aconselho que leia O Protegido. Também foi lançado pela DarkSide, se quiser dar uma olhada fizemos uma resenha: http://pratelivros.blogspot.com/2015/04/resenha-o-protegido-colecao-o-ciclo-das.html

      Beijos!

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...